Borderline RPG

A Cia Imperial Lúdica participou esse ano do Concurso Faça Você Mesmo (FVM) 2013 da Secular Games!

O concurso estabelecia temas e metas possíveis, o jogo da Cia Imperial Lúdica foi baseado nos temas: Dimensões Paralelas, Subversão e com a meta: Dominando o Destino que exigia que o jogo não tivesse elementos aleatórios.

O game design do jogo foi desenvolvido baseado nos seguintes princípios:

  • Desenvolver um sistema simples e minimalista

  • RPG com foco narrativista

  • Permitir uma maior e direta influência dos jogadores nos elementos narrativos

  • Explorar a figura de um outro tipo de jogador, que faz um papel de jogador e alguns momentos também assume temporariamente o lugar do Narrador

  • Sistema sem aleatoriedade e com um viés estratégico, baseado no elemento de administração de recursos. Sistema e ficha de personagem fluídos que permitem constantes rearranjos pelos jogadores.

Sobre o jogo:

Borderline é um jogo de interpretação sobre o que é o real? Sobre como as realidades e suas dimensões são construídas a partir da percepção. É um jogo sobre loucura, subversão e paranoia.

Os jogadores viverão personagens e situações como dos filmes Clube da Luta, Um Estranho no Ninho, Janela Secreta, Uma Mente Brilhante ou As 3 Faces de Eva. Entre sanatórios, manicômios judiciários, um futuro distópico ou qualquer outro cenário que a loucura o levar, o jogo é estruturado para permitir, a partir da percepção e imaginação das personagens, a construção e subversão de diferentes realidades e dimensões.

Em Borderline os participantes assumirão três tipos de papéis: a maioria dos jogadores viverá personagens que são (ou podem ser, é paranóia, lembra?) criações de um indivíduo atormentado pelo transtorno de múltiplas identidades.

Junto a este indivíduo e suas identidades está outro papel, o Doutor, que acompanha esse paciente e deve ajudar essas mentes atormentadas. Chamado no jogo de “Âncora da Realidade”, ele também nos relata o que vê e intermedeia esses mundos. E por fim há o papel de Supervisor (narrador), que nos conta a sua visão da história.”

Baixe o livro de Borderline (433)

One thought on “Borderline RPG

  1. Pingback: Borderline RPG « Ilustr&Narrativa

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*